quinta-feira, novembro 05, 2009

A morte na Estação Anhangabaú

[Parece que o fantasma do metrô está rondando meu computador pois não consigo fazer esse post.]

Vamos ver se agora vai...

Vou começar expondo a minha indignação em fazer uma rápida pesquisa no Google sobre "Acidentes nos trilhos do Metrô Anhangabaú" e não achar NADA a não ser posts de usuários que, assim como eu, presenciaram o ocorrido.

[ou melhor, achei sim... diversas noticias de eventos do mesmo naipe já ocorridos]

Inclusive, um desses usuários q vou manter anônimo, postou um texto falando sobre o assunto mas preferiu retirar do ar para não causar problemas e nem constragimento aos familiares que pudessem ler posteriormente. Porém, vou replicar algumas passagens do texto dele que não tem nada que não possa ou deva ser falado abertamente ao contrário do próprio metrô e as "centrais de noticias" que preferem esconder como se nada fosse.

O caso foi assim:

Em plena véspera de feriado, chego na Sé e vejo aquela muvuca para pegar o metrô sentido Barra Funda quando ouço o metrô informar que, "Por motivo de usuário na via na estação Anhangabaú os trens com sentido a Corinthians-Itaquera estavam saindo da plataforma 1 sentido Barra Funda e que os trens estavam com maior tempo de parada entre as estações circulando com velocidade reduzida".

A primeira coisa q vc pensa é: "Quem foi o filhodaputa que resolveu se matar logo hoje?!?"

Eu, Ludimyla, sempre achei esse lance de suicidio no metrô, lenda ou então uma desculpa esfarrapada pelo atraso decorrente de problemas técnicos do metrô mesmo.

Passa um trem, passa outro... As pessoas descendo dos vagões suando em bicas pq, acredito eu, deveriam estar esperando a muito tempo dentro do vagão até providenciarem o desvio. Inclusive, no ultimo deles saiu uma senhora carregada, totalmente apagada que, para meu engano não estava desmaiada por conta de pressão baixa do calor e sim pq ela presenciou o fato a seguir.

Meu segundo pensamento foi "Ah legal, todo mundo da ZL indo pra casa e quem tem que ir para a Barra Funda embarcar para viajar se fodeu!!".

Ai, 4 trens e 40 minutos depois, finalmente passou um trem sentido Barra Funda e então eu entendi porque estavam desviando da estação Anhangabaú... Tive a sorte (NOT!) de estar no vagão que parou bem em frente ao corpo, ou melhor, aos dois pedaços dele (cobertos claro), além da sujeira na estação, uma pintura grotesca de sangue na porta do trem que estava parado.

E hoje, descobri oq aconteceu pelo post que o cara q eu comentei acima fez:

"Sexta-feira, 30 de outubro de 2009, Estação Anhangabaú do Metrô, 22h20.

De repente, gritos. Confuso, não sabia se era uma brincadeira de adolescentes, um assalto, uma briga, um ambulante sendo levado pelos seguranças, levantei-me pra ver. Um homem estava preso pela barriga nos dez centímetros que separam o trem e a plataforma somente com o tronco pro lado de cima e girando como um trapo numa máquina de lavar enquanto o metrô avançava. Sendo dilacerado aos olhos de todos enquanto os gritos de terror aumentavam..."

... Informei aos funcionários do metrô e do Terminal Bandeira, ao lado, e, acreditem, a frase-base resposta que ouvi de todos foi "De novo!??! Arf...". E aquela mão na testa que significa "A noite será longa, mais trabalho...

...No dia seguinte, busquei por informações do ocorrido. Nenhuma agência de imprensa comentou nada. Fiquei com muita raiva, quis gritar, quando li em alguns blogs pessoas reclamando dos "suicidas que se matam na sexta a noite e atrapalham a nossa vida" ou da "incompetência do metrô em limpar as manchas de sangue que ficaram, cubrindo-as com serragem"..."

Inclusive, qdo eu comentei sobre isso no meu fotolog, os comentários foram examente os mesmos "putos suicidas que atrapalham nossa vida" e não serei hipócrita, já disse, pensei a mesma coisa!

Porém hoje (06/11/09 - atualizando o post), recebi o video (18+) não do acidente, mas do depois e do desfechodo ocorrido. Se vc não tem estomago pra isso, não veja...

O que mais me deixa abismada é que não é incomum não...

Acidente nos trilhos do metrô por empurra-empurra

Usuário nos trilhos do metrô na Estação Anhangabaú de novo


Só não falam a respeito afinal minha gente, está no cotidiano... COTIDIANO.

E ainda sou obrigada a ouvir que o que realmente pára a população é FIM DE NOVELA e FINAL DE CAMPEONATO DE FUTEBOL.

Podia ser eu a empurrada pelo gado ensandecido na hora do rush no embarque no trem, sua mãe, seu pai...

Devia ter tirado uma foto da cena que eu vi para esfregar na cara de muita gente que sabe de tudo isso, mas finge que não.

25 comentários:

Rafael Kuvasney disse...

Lud, Lud... quando você vai entender que isso é comum na cidade grande? Menina do interior é foda... Eu pego trem e metrô todos os dias, isso é normal!

Lud Russo disse...

Observação para o comentário acima: eu, assim como você, peguei o metrô por muito tempo antes de ter carro. Trem inclusive. O post é a minha indignação por não falarem nada sobre para tentar colocar na cabeça dessa gentalha um pouco de consciencia de que ali, sendo estraçalhado pelo trem, poderia ser um parente do filhodaputa q empurra o da frente no desespero de entrar. E menina do interior é sua bunda, vc que mora em Mauá. hahahahahahaha

Luis Milanese disse...

Lud, no dia que o povo tiver noção que diversos atos que eles fazem, poderiam ser feitos em algum familiar ou amigo, o mundo será bem melhor. Infelizmente a gentalha impera e mudar isso é praticamente impossível sem uma boa dose de "pulso firme", vamos por assim dizer.

bissaum disse...

Você ainda tem dúvida que a intenção do Metrô de SP é ser o melhor transporte do mundo? O sistema é assim mesmo, quanto mais poder, mais sujeira!

Flavinha Carsal disse...

Lud, acho que todos nó pensamos da mesma forma na hora :''Esse filhodaputa tinha que cair logo agora??'' Eu estava na Barra Funda no dia e confesso: Fiquei putíssima! Agora, raciocinando, chego a conclusão de que poderia ser eu, você ou amigo um familiar e a única atitude que os responsáveis pelo Metrô fariam ... seria limpar a sujeira, virar as costas e esperar o próximo.
Gostei muito do seu blog, Congratulations!

Carol Cruz disse...

Meu pai trabalhou no metrô por muito tempo, e os caras abafam o máximo possivel a situação, exatamente para evitar dados negativos....
Na construção da estação Sé ocorreram muitos acidentes como os da estação de Pinheiros, lembra?? Na de Pinheiros, a "merda" é q foi ao ar livre e não embaixo da terra... Tds viram e ñ tiveram como abafar...
Pros caras, isso é normal msm pq TODO DIA acontece uma merda dessas... Banalizou.

Jessica disse...

"Menina do interior é sua bunda" HUAEUAHUEHAUHEUAHEUHAUE.

Bom, eu moro na divisa da pqp também, mas pego trem/metro/onibus e SEMPRE é aquela inhaca(kisoba) no horario do rush. SEMPRE! Inclusive no interior. rs
Sempre vem nego encoxar onde não existe mais coxa (é pura banha já) e funga na tua orelha até não querer mais.
Sempre tem nego que nao pede licensa pra passar e sai como se fosse um jumento sem rédea (detalhe: tava sentado la no inferno e quer descer correndo pq a porteira vai fechar). E xinga porque ngm saiu da frente, afinal, tem muito espaço para 'majestades' passarem.
Ou então, fica aquele fela com a mochila enorme nas costas sendo que a mesma daria um espaço pro lugar que já é cheio por natureza e poxa, pra que facilitar a vidas das pessoas se vc pode complicar? Vai sujar a mochilinha se deixar em cima do pé.

Ou seja: é o egoísmo no talo que fazem as coisas serem do jeito que estão (não, imagina Jessica).

E aquelas faixas la na plataforma pra porta do metrô!! Me'deu'do'céu! As pessoas mal olham pra frente, quanto mais irão olhar pra baixo pra "dar preferencia aos que estão saindo antes de entrar". Informativo Epic Fail! Aliás, as pessoas não olham! Fodam-se quem estiver passando! As crianças, idosos e deficiente não podem pegar condução em horario de rush! E vc, que é sadia, foda-se! Se não enfrentar o tranco, é fraco. E um viva a Selva! Yupi. ¬¬

Luis Milanese disse...

Só para acrescentar: eu trabalhei com um senhor que era também maquinista nos trens urbanos e ele falou que o número de pessoas que tentam (nem todas conseguem) se matar nos trens é absurdo. Praticamente todos os dias tem alguém tentando se matar (fora os que caem). Segundo ele, não falam muito para não dar "mais idéia do povo se matar lá", porque segundo ele, se começarem a falar muito, mais gente vai se jogar no trilho.

E só uma nota sobre quem quer se matar: por favor, não façam isso no metro.

Rafael disse...

Eu procurei na internet noticias sobre o caso, realmente foi uma cena muito chocante eu vi o momento exato do acidente, era um senhor em media uns 50 anos...plataforma cheia, gente gritando, mulheres berrando, gente desmaiando ao ver a cena...o que ouvi dos seguranças foi para que todos tivessem calma e se afastassem muito usuarios dizendo que ja nao era a primeira vez naquela estação..isso foi por volta das 10:00/11:00 da noite...

Cristiane disse...

Ainda bem que fui usuária do metrô em horários alternativos e qdo precisava ir para a faculdade eram apenas 3 estações, da Barra Funda à Sta Cecilia, então não passava por esses sufocos. Mas como conheço o que acontece e tenho muitos amigos usuários do metrô, também fico indignada de ver como esse povo é desesperado e sem educação. Meu Deus, me explica o que passa na cabeça dessas pessoas (que nessas horas são animais) ao pensar "PRECISO ENTRAR NESSE TREM! É NESSE TREM!!!!" e sai chutando e empurrando tudo e todos à sua frente? Bom, acho que realmente não passa nada, pois essas atitudes são frutos de pura ignorância!

Indignada tb!

(:: [M]::) disse...

O que falta para as pessoas é paciência,respeito ao próximo e"muiiiitaaaa" educação.

Em quanto isso não mudar os acidentes vão continuar. O que acontece no metrô é o reflexo das atitudes dos usuários.

Rasec disse...

Você não acha que é para não "icentivar" o suicidio no trilho??
Um conhecido meu quase foi numa dessas, baixo pra pegar o rg e não viu o trem chega... acerto a cabeça mas não morreu... tava na folha on line mas nem ta dificil achar.

O lance é que a população e os datenas da vida preferem pegar a parte pelo todo e se uma noticia dessa sai por ae, vão dizer: "meu deus... são paulo é muito violento, cade as autoridades, o Metro é perigoso..." essa merda todo.

eu ACHO que é por isso, não vejo outro motivo que levaria a abafar o fato...

Thá Oliveira disse...

Olha, Lud, há menos de um mês uma mulher se suicidou na mesma estação. Esta, de manhã. Aconteceu exatamente da forma que vc discorreu: o caos.

Cheguei em casa e liguei para um tio que trabalhou no Metro no "lançamento", umas 5 estações. Na época os cargos nem eram definidos e ele que era chefão, desceu pra recolher um corpo. Para ele foi normal, já tinha o esquema: pega o saco de despojos (chama assim mesmo, até hj, um saco preto grosso), a pá e chama o pessoal da limpeza. Eles tinham minutospara deixar tudo OK, acho que 10min. O saco com os despojos era "guardado" pra aguardar o IML.

Se eles falarem todos os dias destas ocorrências, acho que vamos andar de metro meio impressionados. Eu, particularmente prefiro nem saber.

Bjo bjo

Gleice disse...

Compreendo sua indignação e não pense que é por não ser da cidade grande... Eu sou nascida e criada aqui e não me conformo com o que aconteceu... confesso estou abalada até hj e espero um dia esquecera cena que vi... lamentável que Deus abençoe a ele e família sofrimento pouco é bobagem.

Carolina disse...

to passada!

André disse...

Vale do Anhangabaú é um lugar maldito históricamente. Edifício Joelma é logo ali, a história do engenheiro que matou a familia e jogou num poço onde hoje é o edifício...

Histórias da crypta a parte...a ignorância de quem usa transporte público irrita demais...o governo fode tudo, as estruturas não são as melhores, ok, ok, ok...Mas o povo ajuda pra caralho a fazer esse processo todo ser muito pior.

A falta de paciência, a arrogância de achar que só tem ela no mundo e o resto foda-se, empurra empurra, etc...depende apenas do povo pra amenizar, mas o povo...nem sempre (quase nunca) gosta de pensar.

Fernanda disse...

Soube disso lendo pelo Twitter (pessoas dando RT em seu post). Escrevi um email para a Globo com link pro vídeo do acidente, para seu texto e para uma reclamação sobre o acidentre feita no ReclameAqui. Questionei por que ninguém noticiou nada. Também mandei para o CQC. Faz uma semana. Ate agora ninguém respondeu.

Fernanda disse...

Veja o email conforme enviei:

Hoje foi exibida uma notícia sobre uma mulher que caiu nos trilhos do metrô em Boston e, felizmente, escapou com vida. No entanto, esse tipo de acidente ocorre também com frequência no metrô de São Paulo, muitas vezes é fatal, e não é noticiado. Por que? O jornalismo da Globo soube do acidente ocorrido em 30 de outubro de 2009? (Veja depoimento de testemunha nos endereços http://bit.ly/4orIGD e http://www.reclameaqui.com.br/408744/metro-sp/acidente-estacao-anhangabau-30-10-2009/. O vídeo está em http://www.4shared.com/file/146877373/33ae9073/Acicdente_Metro.html). O que acontece para acidentes no exterior serem noticiados e acidentes do mesmo tipo em São Paulo não serem? O Metrô de São Paulo consegue encobrir? Por que a mídia brasileira dá tão pouca cobertura a acidentes gravíssimos como este? Como é possível ver pelos depoimentos das pessoas nos endereços acima, é difícil entender por que isso não sai da mídia.

Anônimo disse...

Para todos aqueles que criticaram a falta de educação da suposta pessoa que empurrou a vítima, o que aconteceu foi suicídio, uma testemunha informou que o homem foi impedido, por ela, de se jogar contra o trem e quando o trem fechou portas, o mesmo desvencilhando-se, correu de encontro ao trem caindo no vão entre o trem e a plataforma. Quanto a incompetência da empresa em cobrir o sangue com serragem, imaginem como ficariam aquelas pessoas que ficam putas por alguém se jogar nos trilhos. Ficariam mais putas ainda devido o procedimento para limpar o sangue ser demorado. E quanto a divulgação, o que mudaria, apenas para satisfazer a vontade dos curiosos. Sempre morreram pessoas dessa forma e sempre morrerão, pois por mais que funcionários e empresa alertem para os perigos, alguns usuários continuam brincando com a morte, desrespeitando as normas de segurança.

Juliana Negri disse...

Lembra que quando a gente pegava metrô juntas pra voltar do trampo? Que INFERNO do caraleo era aquilo? Lembro também das inúmeras vezes que isso aconteceu.

Não me deixa tão indignada o fato de a imprensa não "pegar no pé" e publicar esses fatos. Me deixa EXTREMAMENTE EMPUTECIDA é que A PRÓPRIA POPULAÇÃO é a GRANDE CULPADA de dar essas merdas.

O metrô é o único sistema de transporte que não é totalmente imprestável nessa e em várias metrópoles, e o nosso ainda é melhor que muitos por aí. Mas o BRASILEIRO tem a SANTA MANIA DO KARALHO de fazer as coisas À SUA PRÓPRIA MANEIRA. Ou seja: se um filho da puta quer entrar naquele trem, mesmo que já tenha acabado o oxigênio do vagão, ele VAI EMPURRAR todo mundo até conseguir o que quer.

Um transporte que leva de 30 segundo a 1 minuto pra aparecer deveria receber um MÍNIMO de paciência vinda do usuário e O MÁXIMO DE ATENÇÃO, CUIDADO E RESPEITO ao próximo.

¿aLê? disse...

Gente eu fiquei preso dentro do vagão que esse senhor ficou preso. Fiquei uns 20 min preso dentro do trem pq as portas travaram, e um monte de gente desesperado querendo sair, ate que estouraram os vidros e uma das portas. Ai so qdo todos sairam eu pude ver o homem morto.. foi horrivel..
Eu tava dentro do vaga o e nao fazia ideia do que tinha acontecido...
Mas agora descobri que ele foi empurrado e nao tentado se matar..
Eu me lembro da mulher que estava ajoelhada segurando ele, em desespero.. chorando muito.... lamentavel tudo isso....
E o pior sao as pessoas tirando foto, fazendo video do cara se debatendo ainda vivo e depois colocam no youtube...
O ser humano perdeu respeito um para com o outro. Uma vida se desfez ali, e poderia ser evitada.

Natália disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Natália disse...

conheci um segurança de metro... ele disse que a imprensa é proibida de divulgar esse tipo de coisa, para o bem do povo.

sabia que se encontrarem um ET o governo não é autorizado a divulgar e sim a esconder? tá na lei, rs

eu achei essa sua pagina pq fui procurar uma noticia no google, que não achei tb... hoje eu tava lá no anhangabau e vi um homem se jogar de um predio alto. Fez um barulho imenso, foi horrivel, ele tava todo torto e com a cabeça quebrada. Nem quero mais pensar nisso, mas desde de tarde estou com a cena na cabeça. Se meu namorado não tivesse me apressado ele teria caído pertinho de mim.

Samanta Vicentini disse...

Eu estava no metrô em que o usuário ficou preso quando caiu. Não foi suicídio. Ele estava brincando com um amigo além do limite da linha amarela (aquela de segurança) e quando o metrô chegou, ele foi sugado pelo vácuo. Quem já pegou metrô no Anhangabaú sabe bem que o trem chega em grande velocidade e pelo espaço da estação, não há propagação, então o vácuo é maior.
Quando o trem o atingiu, parecia que era um barulho de tiro. De dentro do trem, ouvimos a gritaria e a correria. Nós achamos que era um assalto ou briga. O metrô parou na hora. Não tínhamos nenhuma informação e todas as pessoas começaram a forçar a porta, para abrir. Demorou uns 10mn para que pudéssemos sair porque o homem estava preso no nosso vagão. Enquanto estava esperando, eu consegui ler os lábios de uma pessoa, que dizia "nossa, em pedaços do corpo dele até aqui". Eu nunca vou esquecer desse dia. Nunca vou esquecer aqueles gritos. Não consegui dormir direito por muito tempo, lembrando daquilo.
Sobre sair na mídia, acho que algumas pessoas ja comentaram aqui e é exatamente assim. Trabalho com isso e o metrô não permite a divulgação por alguns motivos, um deles é uma tentativa de evitar que isso aconteça sempre e outro para manter as boas estatísticas da cia. Infelizmente.

Ludimyla Russo disse...

Pois é @Samanta, o marido de uma amiga trabalha no metrô e já me contou cada coisa que a gente não fica sabendo que da medo. V